Livro A Cama na Varanda de Regina Navarro Lins

A Cama na Varanda – Arejando as Nossas Idéias a Respeito de Amor e Sexo – Regina Navarro Lins

A sexóloga e psicanalista Regina Navarro Lins pesquisa as relações entre homens e mulheres há mais de 30 anos. A partir de experiências pessoais e profissionais, chegou à conclusão de que, na raiz da maioria dos problemas das pessoas, estavam as questões afetivas e sexuais. Dedicou-se ao assunto e, em 1995, lançou o livro, A cama na varanda – Arejando as nossas idéias a respeito de amor e sexo, no qual faz uma retrospectiva da história da sexualidade humana, do Homem das cavernas até o século XX. O livro já está na seista edição, agora com o acréscimo de Novas Tendências – edição revista e ampliada.

Ao longo da História, a humanidade foi sofrendo inúmeras transformações até chegarmos à atual configuração da sociedade. Uma das revoluções mais marcantes foi a revolução feminina, que provocou sérias mudanças no papel da mulher, nos seus direitos e na sua liberdade. A mulher hoje pode optar por se divorciar, por ser mãe solteira, escolher não casar, não ter filhos e dedicar-se à carreira. Algo inconcebível há pouco mais de meio século atrás.

O livro, A Cama na Varanda, foi baseado numa extensa pesquisa histórica feita pela própria autora, que, juntamente com os seus conhecimentos clínicos, tenta esclarecer como e porque surgiram certos preconceitos e obrigações sociais, bem como as transformações que aconteceram nos conceitos de amor, casamento e sexo.

Apesar de já ter sido lançado há mais de dez anos e de ter mais de cinquenta mil cópias vendidas, o livro, A Cama na Varanda, continua a provocar muitos debates. O livro é muito interessante e mostra a origem de muitos preconceitos, obrigações sociais, entre outros conceitos que nos são impostos.

“O novo nos assusta, nos faz sentir desprotegidos, por isso nos vinculamos ao já conhecido. Estamos acostumados a usar, no presente, modelos do passado. Entretanto, isso se torna cada vez menos possível.”

A Cama na Varanda de Regina Navarro Lins

A Cama na Varanda, é uma excelente ferramenta para compreendermos o nosso comportamento e os pré-conceitos em relação à nossa sexualidade, aos nossos relacionamentos e ao que esperamos e desejamos deles, bem como o papel repressor da sociedade, que nos limita e nos aprisiona.

A autora, além de fazer um resgate histórico, fala também sobre o mito do amor romântico, casamento, o amor e o sexo no casamento, ciúme, fidelidade, separação, prostituição, orgasmo, homossexualismo, bissexualismo, repressão sexual e até sobre sexo virtual, além de vários outros temas. Depois de falar sobre todos esses temas, na atualidade, a autora ainda faz um prognóstico de como serão os relacionamentos no futuro.

Desde o lançamento que o livro causa muita polémica, porque incita para uma mudança de mentalidade. A autora acredita que a ideia do amor romântico, que prega a exclusividade está a sair de cena e que o poli-amor será comum daqui há algum tempo. A autora afirma ainda, que a exclusividade sexual sempre foi ficção.

“É fundamental que as pessoas saibam que podem ficar bem, sozinhas. Que se livrem dessa ideia de amor romântico, essa coisa que diz que você tem que ter um par.”

No decorrer da leitura podemos perceber que as crenças que nos vão sendo impostas pelo sistema penetram em nós de tal forma que passamos não só a acreditar nelas, como também a defendê-las como sendo ‘nossas’.

“Fidelidade não tem nada haver com sexualidade. A palavra traição é muito inadequada para definir uma relação social com outra pessoa. Prefiro chamar ‘exclusividade’.”

Como a exclusividade nas relações tende a acabar, as pessoas vão aceitar com mais naturalidade que alguém tenha desejo sexual por várias pessoas. Será comum ter vários parceiros. Regina afirma que, no futuro é bem possível que se tenha um parceiro predileto para o sexo, outro para viajar, outro para a vida cultural. Vai diminuir o número de pessoas que queiram formar um casal fechado.

A Cama na Varanda, é um livro que, em 413 páginas, mexe com os nossos pensamentos e com as nossas ideias a respeito do casamento, sexo e amor, e, mesmo que você não concorde com as teorias da autora, a leitura vale muito a pena. A leitura é fácil, porque a autora intercala, as suas teorias, com histórias de clientes, o que facilita a identificação.

Veja aqui uma entrevista onde a Regina Navarro, fala do seu livro, A cama na varanda

Eu gostei bastante do livro. É necessário refletir, colocar a cama na varanda e discutir assuntos que há muito já deviam ter deixado de ser tabu. O estudo, a leitura,  a busca do conhecimento e a curiosidade são os grandes impulsionadores para uma tomada de consciência!

E você, já leu?

O que achou?

Compartilhe a sua opinião conosco.

28

4 comentários

  1. Carla Nunes
  2. Ana Souza
  3. Catarina Silva
  4. Dina Almeida

Deixe-nos a sua opinião